Universo nas Telas


O Noivo da minha Melhor Amiga
Filmes sobre o casamento de melhores amigos não são novidade no cinema, né? Amo de paixão O casamento do meu melhor amigo e acho fofinho O melhor amigo da noiva – que até passou na Temperatura Máxima no último domingo. Estava morrendo de curiosidade para conferir um que faltava na minha lista O noivo da minha melhor amiga, que foi baseado no livro homônimo de Emily Giffin. Assim como em Eu Sou o Número Quatro, eu não li o livro antes de assistir ao filme – espero que não se torne um hábito –, como eu não tenho o livro e não está nos meus planos comprar tão cedo e vocês sabem bem o motivo, resolvi conferir a produção. Até porque estava para receber o livro Presentes da Vida, da Novo Conceito, que é uma espécie de continuação do livro, até pode ser lido independentemente, mas eu precisava saber o que tinha se passado em O noivo da minha melhor amiga. Então aluguei e adorei!

Como não li o livro não sei se ele saiu muito da obra, mas eu creio que não. Somos apresentados a toda certinha Rachel, uma mulher séria, focada no trabalho, que se veste de um modo sem gracinha. O filme começa na festa surpresa organizada por sua melhor amiga – desde criança-, Darcy, para ela que completa 30 anos. Já nas primeiras cenas percebemos que Darcy é o centro das atenções em todas as situações. Até mesmo quando o foco deveria estar na amiga aniversariante é ela quem rouba a cena. Darcy tem essa necessidade de se sentir o máximo.
noivodaminhamelhoramiga_2
Em sua própria festa, Rachel se sente deslocada. Afinal, aquilo ali não é ela, de forma alguma. No fim da festa ela se depara com Dex, o noivo de Darcy, que veio procurar pela bolsa mega cara que a outra esqueceu, já que bebeu tudo que podia. Rachel, como boa amiga que é, o ajuda a procurar e encontrar a bolsa. Então Dex a convida para beber alguma coisa e em uma conversa informal ela confessa que era apaixonada por ele na faculdade.

Os dois estudaram juntos na faculdade e desde o começo tiveram uma química incrível, mas por conta de muita “bocabertisse” dos dois acabaram deixando Darcy se meter no meio do que eles sentiam e acabou assim, Darcy noiva de Dex. Com umas bebidinhas a mais e depois dessa declaração, Dex, que sentia o mesmo por Rachel, a beijou e os dois acabaram na cama. Claro que na manhã seguinte o primeiro sentimento foi o arrependimento, mas depois foi aparecendo uma pontinha de felicidade e esperança.
Mas como melhor amiga da noiva e madrinha de casamento, Rachel se vê envolvida em todas as questões do grande evento. E tudo vira uma grande confusão em sua cabeça. Ela não sabe se fez certo, se o que ela e Dex sentem um pelo outro é certo, se ele gosta tanto dela a ponto de desistir do casamento. A sorte de Rachel é contar com Ethan, um amigo que vale ouro!!
o-noivo-da-minha-melhor-amiga-fotos-do-filme-filme-cinema-SaladaCultural.com_.br-3
Como uma comédia romântica com uma pitada de drama, O noivo da minha melhor amiga é um filme despretensioso – ainda que possa fazer pensar um pouquinho sobre nossas atitudes na vida –, é um filme para curtir e se divertir. Ele garante risadas, cenas tensas e até nos faz desenvolver uma antipatia com certa personagem, assim como nos faz amar outros. Rachel é interpretada por Ginnifer Goodwin, a Branca de Neve de Once Upon a Timeque é toda delicadinha e perfeita para o papel. A Darcy de Kate Hudson também foi ótima para mim. Gostei do elenco em geral.
O-Noivo-da-minha-Melhor-Amiga (2)
A trilha sonora colabora e muito com músicas de Natasha Bedingfield, Radiohead e umas ótimas “violadas” de Tyrone Wells e Peter Bradley Adams, além de um “cover” do hit “Round Here” do Counting Crowes. Como curiosidade, uma cabível homenagem ao clássico traíra Atração Fatal.
Fonte: Adoro Cinema.
Eu aprovei o filme e estou mais curiosa ainda para conferir o destino de Darcy em Presentes da Vida. Será que vai rolar filme também? Só o tempo dirá.
Curiosidades
- O ator Colin Farrell chegou a ter o nome associado ao personagem Marcus, mas o papel acabou ficando com Steve Howey;
- Peter Facinelli (Crepúsculo) chegou a fazer teste para o papel de Dex, mas Colin Egglesfield, do seriado Melrose Place (2009), acabou levando;
- Segundo filme que a atriz Hilary Swank atua como produtora. O outro foi o drama Beautiful Ohio (2006).                                                                                                Fonte: Adoro Cinema.

Fiquei com vontade de assistir de novo. Beijos e um lindo fim de semana para todos!!

3 comentários

Josy Poulain disse...

San, saudades. :)

Mireliinha disse...

Eu quero ver esse filme siiim! Até pra ler o livro da NC, né?!
Adorei sua resenha!

:*
Mi
Inteiramente Diva

Eduarda Menezes disse...

Oi Kellen!
Dessa vez eu também não li o livro e acabei indo direto pro filme, mas sinceramente nem me importei tanto porque não gostei tanto do filme assim =/
Não sei porque, mas não simpatizei com a personagem da Rachel, então para mim não funcionou. Reconheço que a Darcy era super egocêntrica, mas acho que a Rachel deu meio que de bandeja o Dex para a amiga e depois quando era tarde demais resolveu meio que voltar atrás. Enfim hehehe mas o filme é engraçado, dá para rir mesmo, principalmente com o personagem do Ethan, ele vale ouro mesmo, todo mundo quer um amigo assim ^^
Não sabia sobre essas curiosidades, acho que o Peter Facinelli teria dado um Dex muito melhor, até porque não gostei do ator escolhido para o papel!
Mas uma coisa é certa, estou louca para ler o Presentes da Vida e ver o que aconteceu com a Darcy. Quero ver se ela conseguiu criar juízo rs
Beijos!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Últimos livros lidos